POLÍTICAS PÚBLICAS E MÍDIA

o discurso fotojornalístico de “O Globo” sobre o Programa UPP

Autores

  • Janaina Dias Barcelos Universidade Federal do Rio Grande do Norte

Palavras-chave:

Unidade de Polícia Pacificadora; Fotojornalismo; Discurso

Resumo

Este artigo apresenta reflexões que conectam discurso jornalístico e políticas públicas, a partir do modo como os meios de comunicação constroem sentidos sobre determinado tema. O recorte é o posicionamento sobre o programa de Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs), verificado no discurso fotojornalístico do jornal “O Globo”, por meio da análise de 302 imagens publicadas nos anos 2010, 2012 e 2014. Percebe-se uma intencionalidade do veículo, a partir da proposição de mundo presente no discurso das fotografias e  apoio à  política pública de segurança.

Biografia do Autor

Janaina Dias Barcelos, Universidade Federal do Rio Grande do Norte

Professora do Departamento de Comunicação Social da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Vice-coordenadora do Curso de Jornalismo da UFRN (2019-2020). Doutora em Estudos Linguísticos - Análise do Discurso pela FALE/UFMG (2016), com o tema análise do discurso de fotografias jornalísticas. Doutorado sanduíche na Université Paris-Est Créteil, França, com bolsa CAPES. Mestre em Comunicação e Jornalismo pela Universidade de Coimbra (2009), Portugal.

Referências

AZEVEDO, Fernando Antônio. Mídia e democracia no Brasil: relações entre o sistema de mídia e o sistema político. Opinião Pública, Campinas, v. 12, n. 1, p. 88-113, abril/maio, 2006. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/op/v12n1/29399.pdf. Acesso em: 24 jun. 2021.

BAIENSE, Carla. O lugar da favela no noticiário carioca. Uma análise do enquadramento em O Globo e JB. Revista Ecopós, v. 17, n. 1, p. 1-19, 2014. Disponível em: http://revistas.ufrj.br/index.php/eco_pos/article/view/1286. Acesso em: 27 abr. 2015.

BANDEIRA, Olívia. Concentração da comunicação e os riscos à democracia. In: ASSOCIAÇÃO HENFIL EDUCAÇÃO E COMUNICAÇÃO. Comunicação e direitos humanos. Minas Gerais, 2018. p. 34-41. Disponível em: http://intervozes.org.br/arquivos/interman005comdhs18.pdf. Acesso em: 25 jun. 2021.

BARCELOS, Janaina Dias. Imagem e produção de sentido sobre favelas cariocas em fotos jornalísticas. 2016. 341 f. Tese (Doutorado em Estudos Linguísticos) – Faculdade de Letras, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2016.

BAYARRI, Gabriel. UPPs: o crime como doença e a barreira de castas. Outras palavras, São Paulo, 9 jun., n. p., 2015. Disponível em: http://outraspalavras.net/brasil/upps-o-crime-como-doenca-e-a-barreira-de-castas/. Acesso em: 23 jun. 2021.

BURGOS, Marcelo Baumann et al. O efeito UPP na percepção dos moradores das favelas. Desigualdade & Diversidade – Revista de Ciências Sociais da PUC-Rio, n. 11, ago/dez, p. 49-98, 2011. Disponível em: http://desigualdadediversidade.soc.puc-rio.br/media/4artigo11.pdf. Acesso em: 24 jun. 2021.

CAMPOS, Andrelino. Do quilombo à favela. A produção do “espaço criminalizado” no Rio de Janeiro. 2. ed. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2007.

CHARAUDEAU, Patrick. Um modelo sociocomunicacional do discurso: entre situação de comunicação e estratégias de individualização. In: PAULA, Luciana. STAFUZZA, Grenissa (Orgs.). Da análise do discurso no Brasil à análise do discurso do Brasil: três épocas histórico-analíticas. Uberlândia: EDUFU, 2010. p. 259-284.

CHARAUDEAU, Patrick. Linguagem e Discurso. Modos de organização. Tradução: Angela M. S. Corrêa e Ida Lúcia Machado. São Paulo: Contexto, 2009.

CHARAUDEAU, Patrick. Uma análise semiolinguística do texto e do discurso. In: PAULIUKONIS, M. A. L.; GRAVASSI, S. (Orgs.). Da língua ao discurso: reflexões para o ensino. Rio de Janeiro: Lucena, 2005. p. 11-27.

DERVILLE, Gregory. La stigmatization des “jeunes de banlieue”. Communication et Langages, v. 113, n. 113, p. 104-117, 1997.

FREITAS, Ricardo Ferreira et al. Em nome do espetáculo: megaeventos, cidades e representações midiáticas. In: IV CONGRESSO BRASILEIRO CIENTÍFICO DE COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL E DE RELAÇÕES PÚBLICAS, 2010, Porto Alegre. [Anais eletrônicos]. Porto Alegre, Abrarcorp, 2010. Disponível em: http://www.abrapcorp.org.br/anais2010/trabalhosGT6.html. Acesso em: 29 abr. 2015.

HOFF, Natali; BLANCO, Ramon. A pacificação como governo: as UPPs cariocas como dispositivos da governamentalidade global. Revista Brasileira de Ciência Política, n. 33, p. 1-48, set-dez 2020. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rbcpol/a/WZ8Qhd7tH7gQY8ngpwqyKJm/?lang=pt. Acesso em: 27 jun. 2021.

INFOGLOBO. Nossos produtos. Rio de Janeiro. Disponível em: https://www.infoglobo.com.br/anuncie/ProdutosDetalhe.aspx?IdProduto=91. Acesso em: 24 jun. 2021.

MATHEUS, Letícia Cantarela; SILVA, Pedro Henrique. Território retomado: o noticiário sobre operações militares em favelas no Rio de Janeiro. Revista Ecopós, v. 16, n. 3, p. 44-60, setembro/dezembro 2013. Disponível em: http://revistas.ufrj.br/index.php/eco_pos/article/view/831. Acesso em: 29 abr. 2015

MOREIRA, Fabiane Barbosa. Os valores-notícia no jornalismo impresso: análise das “características substantivas” das notícias nos jornais Folha de São Paulo, O Estado de São Paulo e O Globo. 157 f. Dissertação (Mestrado em Comunicação e Informação) – Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação. Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Porto Alegre, 2006. Disponível em: http://www.lume.ufrgs.br/handle/10183/777. Acesso em: 19 mai. 2015.

O GLOBO. Princípios Editoriais do Grupo Globo. Rio de Janeiro, 2011. Disponível em: http://oglobo.globo.com/principios-editoriais/. Acesso em: 19 mai. 2015.

PALERMO, Luis Claudio. Megaeventos e Unidades de Polícia Pacificadora: representações sobre o lugar das favelas no tecido urbano. ILHA, v. 15, n. 2, p. 311-330, julho/dezembro 2013. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/ilha/article/view/2175-8034.2013v15n1-2p311, Acesso em: 29 abr. 2015.

PARISSE, Luciano. Favelas do Rio de Janeiro: evolução – sentido. Rio de Janeiro: PUC, 1969.

RESENDE, Leandro. UPP 10 anos depois: as promessas cumpridas e as que ficaram pelo caminho. Agência Lupa. Rio de Janeiro, 22 dez. 2018. Disponível em: https://piaui.folha.uol.com.br/lupa/2018/12/22/upp-10-anos/. Acesso em: 27 jun. 2021.

ROCHA, Daniella Guedes. Da Batalha à Guerra do Rio: uma abordagem espaço-temporal da representação das favelas na imprensa carioca. XVII ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDOS POPULACIONAIS, 2010, Caxambu (MG). Disponível em: http://portalpbh.pbh.gov.br/pbh/ecp/files.do?evento=download&urlArqPlc=da_batalh_a_guerra_no_rj_represen_imprens_favelas.pdf. Acesso em: 27 abr. 2015.

SILVA, Jailson de Souza e; BARBOSA, Jorge Luiz. Favela. Alegria e dor na cidade. Rio de Janeiro: Editora Senac Rio; [X] Brasil, 2005.

SOUSA, Jorge Pedro. Uma história crítica do fotojornalismo ocidental. Chapecó: Argos; Florianópolis: Letras Contemporâneas, 2004.

TAVARES, Frederico de Mello Brandão; VAZ, Paulo Bernardo Ferreira. Fotografia jornalística e mídia impressa: formas de apreensão. Revista FAMECOS, Porto Alegre, n. 27, p. 125-138, agosto 2005. Disponível em: http://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/revistafamecos/article/view/3329. Acesso em: 28 jul. 2015.

VALLADARES, Licia do Prado. A invenção da favela. Do mito de origem a favela.com. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2005.

Downloads

Publicado

2022-06-01